Insegurança

Home / Artigos / Insegurança
Insegurança

O que é insegurança? 
Por que algumas pessoas são tão inseguras e outras tiram de letra qualquer situação? Porque às vezes você é muito seguro em um ponto de sua vida, por exemplo, o profissional, onde você sabe o que faz, domina o assunto é dono e senhor de si mesmo, mas em outro ponto, área sentimental por exemplo, você se sente todo atrapalhado?

Essa coisa que te paralisa, não te deixa reagir, não te deixa falar com aquela pessoa que seria tão interessante conversar, trocar ideias, pode ser a chamada insegurança

A insegurança tanto pode te paralisar como também ter um efeito totalmente contrario. Já percebeu que por causa da insegurança você pode tanto falar mais do que devia, as vezes fala coisas das quais se arrepende depois? Como por exemplo aquela brincadeira que você queria fazer, mas saiu muito sem graça, você ficou tão sem jeito que deu vontade de se esconder num buraco. Isso acontece devido à insegurança. Ou aquele drink a mais que você tomou, só para dar uma relaxada, ter mais segurança, e ai o tiro acabou saindo pela culatra, porque foi por causa desse drink que você acabou falando bobagem, dançou em cima das mesas no meio da festa, deu vexame.

Se usarmos termos mais específicos podemos dizer que são sintomas do medo ou de ansiedade.

Insegurança é medo! Mas medo de que?

Conforme o foco o nome do medo é diferente, por exemplo: Quando a insegurança envolve o relacionamento com outras pessoas, ou seja quando está diretamente relacionado a timidez, aquela timidez que prejudica sua vida pessoal, social, profissional, seria a fobia social.

Quando a pessoa sente ansiedade de sair de casa, tem medo de precisar de ajuda se chama agorafobia. É o medo de sentir medo. A pessoa pressente que vai passar mal se estiver em algum lugar que não tem saída, ou não vai ter recursos que atendam suas necessidades e acaba ficando em casa com medo do desconhecido. Esse “não sair de casa” se chama comportamento de evitação - fuga. Se você perguntar se esta pessoa tem medo  ela vai dizer que não! Estando dentro de casa não sente nada, o problema é sair de casa.

Agorafobia está diretamente relacionado aos sintomas da síndrome do pânico. Os sintomas do pânico podem ser: taquicardia, o coração dispara, a pessoa fica pálida, um peso no peito, pode dar uma vontade urgente de ir ao banheiro. Não são os mesmos sintomas para todo mundo, mas estes são os mais comuns.

Quando o medo está relacionado a um elemento especifico como um gato, sapo, cachorro, ou a uma situação como medo de dirigir (sabe aquela pessoa que tem carteira de motorista, mas não pega no volante por nada nessa vida?) isto tem o nome de fobia especifica.

Tem gente que não come na frente dos outros, ou não escreve, pra assinar um cheque tem que dar uma desculpa e sair de fininho. Isso pode ser  insegurança, medo. 

Outros nomes para insegurança

Medo da morte... Medo do futuro... “Ai meu Deus, o que vai ser da minha vida?”

Muitas vezes a pessoa não assume suas inseguranças, ou não percebe que aquilo que ele esta sentindo é insegurança e acaba chamando por outros nomes: Chamando de  Agonia ”Nossa senti um agonia quando vi aquela pessoa vindo em minha direção”. Com certeza aquela pessoa lhe despertou insegurança.

Ansiedade e insegurança

 A ansiedade pode ser capaz de provocar estresse. Exemplo: A ansiedade de preparar uma entrevista, ou de enfrentar uma situação difícil.

 Ansiedade envolve o ato de imaginar tudo o que pode dar errado. A ansiedade por si só não é ruim, mas em doses desproporcionais pode ser prejudicial. 

 Ansiedade pode ser percebida naquele medo de sair machucado de um relacionamento que impede que novos relacionamentos ocorram. Pode ser percebida no auto boicote quando, por exemplo, uma pessoa acorda de manha e não tem vontade de sair da cama, para se desculpar diz que é preguiça, mas que não o deixa sair da cama é a expectativa de que o dia será um desastre.

 Ansiedade pode ser percebida na preocupação excessiva com as coisas do cotidiano, parece que de repente cresceram e a pessoa não se sente capaz de lidar com tudo isso, se sente inseguro.

Pensamentos disfuncionais da insegurança 

 Com a insegurança pode começar a vir às preocupações excessivas, ansiosas: “E se ficar muito doente?”  ”E se alguma coisa acontecer com minha família?”, “E se alguém me ligar  para contar algo ruim?”

 O ansioso pode ser um eterno expectador de si mesmo. A pessoa ansiosa tá sempre antecipando tudo o que pode dar errado.

Buscamos segurança, talvez porque a insegurança gere sentimento de impotência.

Perfeccionismo e insegurança

 A pessoa insegura pode tender a ser perfeccionista, seria uma forma de compensar a sensação de insegurança e impotência.               

Como é o trabalho do psicólogo, do psicoterapeuta para trabalhar insegurança?

Quero iniciar esta resposta falando do sigilo profissional. Isso é muito importante quando se trabalha a superação da insegurança, saber que você será respeitado e este é um ambiente seguro.

Fazer terapia é dar para si mesmo uma oportunidade para se entender, perceber como você funciona.

É fascinante entender porque às vezes você se vê com tanta insegurança diante de situações que para outras pessoas seriam tão normais.

Fazer psicoterapia é ter um momento seu. É se dar o direito! Se dar o direito de viver melhor. De buscar sua paz, sua paz interior.