Tratamento para Síndrome do Pânico

Home / Artigos / Tratamento para Síndrome do Pânico
Tratamento para Síndrome do Pânico

O que é síndrome do pânico?

 A síndrome do pânico pode ser considerada uma “Fobia aos estímulos corporais internos”. Devido a forte ansiedade e stress, há uma falha na interpretação das sensações do próprio corpo quando são percebidos erroneamente como sinal de grande perigo, ou seja, as pessoas portadoras da síndrome do pânico consideram as alterações normais de aceleração cardíaca, respiração ou qualquer outra função corporal como irregular e perigosa. O motivo de o cérebro humano responder desta maneira se baseia no nosso passado pré-histórico, onde humanos precisavam de uma resposta rápida às ameaças físicas, ou seja luta ou fuga. 

Como se inicia uma crise de pânico Normalmente a pessoa está realizando alguma atividade corriqueira, em casa vendo TV, andando na calçada, no mercado, etc. Algum pensamento ansioso lhe passa pela mente, pensa em como lidar com seu casamento fracassado, o chefe exigente, pais doentes, etc. Seu organismo reage a este pensamento estressante com o mecanismo de luta ou fuga que a natureza primitiva o dotou e seu corpo inicia a preparação para “lidar com estes problemas” que são: ativar o sistema cardiovascular para melhorar a oxigenação do sangue em caso de precisar sair correndo, libera o conteúdo intestinal para você ficar mais leve em uma luta, você transpira para refrescar durante a fuga, etc. O que seu corpo não “sabe” é que você não vai lidar com seu chefe através da luta física, mas este mecanismo é iniciado automaticamente. Seu cérebro não entende porque seu corpo está reagindo assim e interpreta estas sensações como um ataque cardíaco, perda de controle, etc. 

Tratamento para a síndrome do pânico 
O tratamento realizado pela terapia cognitiva comportamental pode compor-se de algumas etapas como por exemplo: 
-Contestação das crenças irracionais -Exposição interoceptiva -Re-treinamento da respiração -Relaxamento -Prevenção de recaída